Nunca fez um rastreio auditivo e tem receio?

Explicamos-lhe o que é e como é avaliado numa avaliação auditiva.

Um rastreio auditivo é geralmente realizado quando existe algum tipo de desconfiança ou sintoma de perda auditiva. Normalmente é feito um exame preliminar aos ouvidos e ser-lhe-ão feitas algumas questões sobre as razões que o levam a fazer o exame e eventuais sintomas que possa sentir.
 

Nos adultos, existem vários tipos de teste de audição. O mais comum é a Audiometria Tonal Pura. Neste exame, é utilizada uma máquina chama audiómetro que produz sons em vários volumes e frequências. O paciente é exposto aos sons a partir de uns headphones e pressiona um botão quando os consegue ouvir. O teste é feito para cada um dos ouvidos, o que ajuda o audiologista a perceber que tipo de frequências consegue ouvir e o grau de perda auditiva para cada um dos ouvidos.

Os resultados do rastreio serão então apresentados num gráfico chamado audiograma.

Um audiograma é usado para registar os diferentes volumes e frequências que os seus ouvidos são capazes de ouvir.

Depois, dependendo do tipo e grau de perda auditiva diagnosticados, ser-lhe-á indicado o tratamento mais adequado, que normalmente envolve a utilização de aparelho auditivo.

Se deseja marcar uma  avaliação gratuita na Acusis, dirija-se a http://acusis.com.pt/problemasauditivos/.