Informações importantes antes de adquirir um aparelho auditivo

 

O diagnóstico de perda auditiva é o primeiro grande passo para restaurar a saúde dos seus ouvidos. Para muitos pacientes, a solução passa por utilizar aparelho auditivo num ou em ambos os ouvidos. No entanto, o mundo dos aparelhos auditivos pode ser um pouco complexo, com muita informação para absorver e processar. Assim, compilámos algumas informações importantes a reter antes de adquirir um aparelho auditivo. A compreensão destas informações pode contribuir para evitar decepções causadas por desconhecimento e facilitar a adaptação aos aparelhos auditivos.

 

1. Os aparelhos auditivos são diferentes de óculos.
Apesar das crescentes evoluções tecnológicas, os aparelhos auditivos não têm a capacidade de corrigir a audição dos seus utilizadores como os óculos conseguem para determinados problemas de visão, como o astigmatismo. Uma vez danificadas, as células do ouvido não podem ser reparadas com o uso de aparelhos auditivos. Assim, é importante que os usuários de aparelhos auditivos não tenham expectativas irrealistas e percebam que os aparelhos são uma grande ajuda a amplificar os sons, mas não restauram a audição para um padrão normal.


2. Os aparelhos auditivos são um investimento.
Os aparelhos auditivos são aparelhos de alta precisão e que têm um enorme papel na vida dos seus utilizadores. Como tal, é natural que os seus preços sejam um pouco elevados para algumas carteiras. Não opte por aparelhos mais baratos mas de menor qualidade, pois o barato pode sair caro. A Acusis oferece condições de pagamento flexíveis, permitindo que todos os pacientes consigam ter acesso aos aparelhos auditivos de que necessitam.


3. Os aparelhos auditivos não são eternos e avariam-se.
e aceitamos que os telemóveis e outros eletrodomésticos não duram para sempre, devemos ter em conta que o mesmo acontece com os aparelhos auditivos. Existem algumas práticas que podemos e devemos aplicar no uso de aparelhos auditivos que os preservam durante mais tempo, mas todos os aparelhos têm um tempo de vida útil normal, justificado pelo desgaste natural do tempo.


4. Os aparelhos auditivos não são invisíveis.
Cada vez mais vão surgindo opções de aparelhos que prometem ser praticamente invisíveis aos outros. É claro que um aparelho auditivo não tem de ser feio e necessariamente enorme. No entanto, as empresas muitas vezes focam-se em “vender” a característica da invisibilidade, promovendo a ideia de que a utilização de um aparelho auditivo deve ser mantida em segredo. Em vez disso, os utilizadores de aparelho auditivo devem ser incentivados a utilizar o seu aparelho com orgulho, pois estão a ser proativos relativamente à sua saúde.