O que é o Enriquecimento Sonoro e como pode ajudar no tratamento do zumbido

 

O Enriquecimento Sonoro é uma técnica muitas vezes utilizada no alívio da percepção de zumbido. Hoje, falamos do Enriquecimento Sonoro e dos seus benefícios para os pacientes de Tinnitus.


A arte do enriquecimento sonoro é muito antiga e encontrada em muitas civilizações antigas, nomeadamente no Japão. Ali, cascatas, fontes e brisas de vento sempre fizeram parte da arquitetura e paisagens naturais.


Os Dispositivos de Terapia de Enriquecimento Sonoro foram inicialmente introduzidos sobre a premissa do Princípio da Distração. Em 1903, um médico chamado Spaulding utilizou um piano na frequência do zumbido dos seus pacientes e tocou-o até se tornar inaudível para eles.


Para a maioria das pessoas, os sons da natureza são os mais relaxantes. Estar no jardim ou na praia consegue ser uma experiência agradável mesmo para os pacientes com zumbido e hiperacusia. Parte do motivo disso é que o nosso sistema auditivo se desenvolveu em ambientes rico em sons, com sons da natureza sempre presentes, e está adaptado a esse tipo de fundo sonoro.

 

O sono é um problema para muitas pessoas. Os pacientes de zumbido muitas vezes sentem mais incómodo quando há mais silêncio, nomeadamente à noite. Assim, o enriquecimento sonoro melhora a qualidade do sono sendo os dispositivos que simulam sons da natureza ou CDs com gravações de sons da natureza muito populares entre os pacientes de zumbido.

 

Muitos pacientes experimentam uma redução imediata na intrusividade e gravidade do zumbido quando recorrem ao enriquecimento sonoro, embora cada paciente tenha, obviamente, uma resposta muito individual.