A meditação pode ajudá-lo a lidar com o zumbido?

O Zumbido, também conhecido por "Tinnitus" ou "Acufenos" pode definir-se como a sensação subjetiva de barulho na cabeça ou ouvidos da qual só o próprio se apercebe.

Os efeitos do zumbido podem ter graves perturbações na vida cotidiana do paciente. Apesar de não acontecer sempre, a maior parte dos pacientes de zumbido apresentam também perda auditiva.

Infelizmente, o zumbido não tem cura, mas existem algumas técnicas que os pacientes podem utilizar para controlar o seu zumbido e deixarem de ter a perceção do ruído tão presente no seu dia-a-dia.

O zumbido é diferente para toda a gente e, como tal, uma experiência pessoal e muitas vezes solitária, uma vez que frequentemente quem está em redor não o experiencia. Cada paciente encontra estratégias que o ajudam a lidar com o zumbido. Para uns é o enriquecimento sonoro, para outros, o exercício, noutros casos, a meditação.

A meditação reduz o stress e ajuda os seus praticantes a abstrairem-se do que está em redor. Assim, pode ser útil para algumas pessoas deixarem de ter a perceção do zumbido.

Ao praticar meditação, um indivíduo aprende a concentrar-se num “objeto” específico, por exemplo, na respiração. Quaisquer outros elementos deixam de ser o foco.

Os especialistas acreditam que existe uma relação direta entre o alívio do zumbido e a meditação, mostrando que pode ser usada com sucesso no controlo dos sintomas do zumbido.